Como Ficar Bem | Centro de Recursos para a Prevenção

III. Os Principais Sociólogos de Religião
Classificam-na como Religião

Quase sem exceção, todos os manuais das novas religiões contêm um capítulo sobre Scientology, entre eles:

Eileen Barker, Professora na Escola de Economia de Londres: New Religious Movements: A Perspective for Understanding Society [Novos Movimentos Religiosos: Uma Perspetiva para Compreender a Sociedade] (1982), e New Religious Movements: A Practical Introduction [Novos Movimentos Religiosos: Uma Introdução Prática] (1989);

Bryan Wilson, Professor Emérito da Universidade de Oxford: The Social Dimensions of Sectarianism [As Dimensões Sociais do Sectarismo] (1990); e

J. Gordon Melton: A Enciclopédia das Religiões Americanas (1993).

Também é classificada como uma religião na maioria das publicações alemãs, tais como Lexikon Der Sekten, Sondergruppen Und Weltanschauungen [Dicionário de Seitas, Grupos e Visões do Mundo] (1991).

Um bom exemplo é Bryan Wilson que no seu livro escreve extensivamente sobre o que faz Scientology ser uma religião.

IV. De Dianética a Scientology
DESCARREGUE O LIVRO BRANCO