Como Ficar Bem | Centro de Recursos para a Prevenção

I. INTRODUÇÃO

Nos últimos anos surgiu alguma controvérsia em relação a Scientology nalguns setores da Europa, nomeadamente na Alemanha, que parece interpretar erroneamente as verdadeiras intenções sociais deste grupo religioso.

Do ponto de vista de alguém que conhece filosofia e religião não existe nenhuma questão polémica, mas é fácil compreender que a falta de conhecimento do fenómeno religioso, como um todo, e a variedade de manifestações possíveis deste fenómeno podem injustamente levar a atitudes antagónicas e intransigentes.

Por esta razão decidi publicar neste relatório as minhas conclusões acerca da religião de Scientology, uma religião que estudei durante vários anos, tanto nos seus aspetos formais (escritos, livros e filosofia) como nos seus aspetos quotidianos (cerimónias, organização interna e externa, cerimónias religiosas e atividades comunitárias), tanto no nosso país como noutros países (França e Dinamarca).

II. O Conceito de Religião
DESCARREGUE O LIVRO BRANCO